3 de fev de 2013

O Carnaval e a Páscoa


            O Carnaval e a Páscoa são duas datas importantíssimas, para o Brasil e para o mundo. Embora nem todos saibam, há uma ligação entre os dois. As duas são festas moveis, ou seja, são comemoradas em datas diferentes a cada ano. A Páscoa tem um sentido religioso, e o Carnaval é uma festa pagã.

            A História do surgimento do carnaval é tão antiga quanto a história do mundo, a resquícios de que ele tenha surgido com os povos primitivos, que faziam festas agrícolas após as colheitas para homenagear os deuses. Séculos mais tarde os gregos faziam festas para homenagear o deus Dionísio, que é o deus do vinho e das festas. Em Roma, Dionísio receberia o nome de Baco entre 605 e 527 a.C.

            No Brasil, o Carnaval veio trazido possivelmente por portugueses em 1723, que brincavam nas ruas o entrudo que consistia de um cortejo de bonecos grandes seguidos por brincadeiras e festejos carnavalescos. Outros ainda afirmam que na Colônia, ao saberem do casamento do príncipe D. João com Carlota Joaquina, em 1786, os colonos saíram às ruas para comemorar com desfiles em carros alegóricos.

            E outros ainda atribuem a comemoração da chegada da Família Real, onde as pessoas saíram comemorando pelas ruas com música, usando máscaras e fantasias. Hoje, o Carnaval brasileiro é um dos mais importantes do mundo, seja no Rio de Janeiro e São Paulo, com os desfiles, com o frevo de Pernambuco, ou mesmo nos trios da Bahia, nos Clubes mineiros, e o inusitado carnaval de Brasília mostrando a diversidade cultural do povo brasileiro.

            Mas o Carnaval tem também um cunho religioso. É a festa popular que antecipa a Quaresma, que é um período de abstinência e de preparação para a Páscoa. A Páscoa teve origem com os judeus, que rememoram a fuga do Egito por Moisés para libertar o povo de Israel da escravidão do Faraó Ramsés II. No mesmo Egito haviam as festas em homenagem ao deus Saturno, onde desfilavam em carros alegóricos chamados: Carrum Navalis, uma possível origem do nome Carnaval, além do termo mais Cristão, Carne Nada Vale, que critica o erotismo ocorrido em alguns  carnavais, e lembrando que a tradição Católica Romana é abstinência de carne.

            Para os cristãos, a Páscoa adquiriu novo significado. Celebram a vitória da vida sobre a morte com a ressurreição de Jesus. A Páscoa Cristã coincide com a Páscoa Judaica porque, justamente no período em que os judeus celebravam a Páscoa, Cristo foi julgado e morto pelo império Romano. Não se pode esquecer também que o Cristianismo surgiu a partir da religião hebraica. Apesar de a data estar se tornando cada vez mais comercial os ovos distribuídos nesta data também possuem um significado. O ovo simboliza a vida nova, bem como o coelho representa a fertilidade.

            O Dia da Páscoa é comemorado no primeiro Domingo, após a primeira lua cheia, posterior a 21 de março, dia do Equinócio de primavera no Hemisfério Norte, não pode, porém, ultrapassar o dia 25 de abril. Caso isso ocorra, antecipa-se para o domingo mais próximo. Assim o carnaval ocorre  47 dias antes, na terça-feira e precede a Quarta-feira de Cinzas, início da Quaresma. A data da Páscoa foi estabelecida no concilio de Nicéia, em 325.

Carnaval e Páscoa 2013:
·      No ano de 2013 o carnaval será em Fevereiro, mais precisamente no dia 12.
·      A lua cheia após 21 de março será no dia  27 de Março.
·      O próximo domingo após a lua cheia é dia 31 de Março dia da Páscoa, ou seja sexta-feira da paixão será dia 29/03 Feriado de Páscoa ( Sexta-feira da paixão de Cristo).
·      Do dia 13 de Fevereiro ao dia 31 de março são 47 dias ( da Quarta feira de cinzas 13/02 ao domingo de Páscoa).
·      Cabe lembrar que a quaresma encerra-se com o domingo de Ramos dia 24/03, portanto do dia 13/02 à 24/03 são exatamente 40 dias ( período da quaresma)

Profº Vítor Andrade.'.
Professor de História

Nenhum comentário: