11 de mar de 2010

Deu a Louca na Justiça?

Teria dado a Louca na Justiça?

Acredito que nunca na história do Brasil a justiça trabalhou tanto. Do inicio do ano de 2010, a justiça fez justiça, além de prender o Governador do Distrito Federal, e negar vários “Habeas Corpus” ao Governador.

A Justiça Negou outro “Habeas Corpus” ao ex- juiz Nicolau dos Santos o Lalau, e condenado a 26 anos de prisão pelo desvio de 126 milhões de reais nas obras do TRT-SP. Nicolau perdeu os bens que estão em seu nome, como carros, imóveis e valores em conta corrente. A condenação ocorre seis anos depois do envio do relatório final da CPI do Judiciário ao Ministério Público.

No mesmo dia o STF negou “Habeas Corpus” a o Casal Nardoni ( Sem comentários). Quem não se lembra dos governadores cassados no Maranhão e Tocantins pelo TSE, Estava eu pensando deu a louca na justiça?daí repensei, sobre o absurdo que eu refletia, eu assim como mais de 170 milhões de brasileiros pensam, ou seja, a justiça não funciona, ou só funciona apara aliviar quem tem dinheiro. Na verdade a justiça está cumprindo seu papel, é isso que se espera do judiciário, eu citei esses casos por serem os de grande repercussão, e as decisões de extrema importância.

O que está acontecendo é o amadurecimento da sociedade, claro que ainda falta muito para melhorarmos, mas estamos evoluindo, quem se lembra do Brasil da ditadura militar, da República dos coronéis, do café-com-leite, da impunidade vê que as coisas estão mudando, hoje as classes mais pobres já sabem de alguns direitos, e já o exercem. Pessoas simples, esforçadas, ou que não faz parte de seletos grupos sociais do Brasil estão chegando ao poder, o próprio presidente Lula, o Ministro do STF Joaquim Barbosa, do juiz federal Odilon de Oliveira, entre outros promotores, e pessoas com altos e importantes cargos na administração pública.

O Império dos coronéis está acabando, o brasileiro está se modernizando, estamos aprendendo a dizer não a corrupção, aos maus valores, e para que cada dia mais se consolide a missão de se ter uma pátria livre e moderna é começar pela educação de nossos filhos, é desligar a TV na hora da novela e perguntar como nossos filhos estão na escola, nos seus meios de relacionamento, quem vê o “ Big Brother” e assiste o Pedro Bial chamando aquelas pessoas de heróis, não sabem que ele batia em sua ex-mulher Giulia Gam, quem assiste novela e não conversa com seus filhos está sujeito a chorar por eles depois seja lá como for. Quem achava que o dinheiro compra tudo e é capz de corromper o homem esta vendo que o conceito de justiça mudou, o curso de direito por exemplo pessoas de todos os niveis estão fazendo, é um dos cursos mais concorridos que existem atualmente, e no passado um dos mais elitistas.

Precisamos lutar mais e mais para conquistarmos o que queremos que é uma sociedade mais justa e fraterna, onde se pode confiar na justiça, onde as pessoas podem andar tranquilamente nas ruas, por que sabem que o Estado está de olho abertos para o cidadão e nosso Querido Deus que tem um olho que tudo vê faz sua justiça, e que a venda nos olhos da justiça seja para ter imparcialidade e não para não ver erros e deixarem passar despercebidos, e que Assim Seja.

2 comentários:

Eugenio Hansen, OFS disse...

Paz e bem!

Não sou tão otimista.
Esta semana a E. Gracie, do STF,
manteve preso um ladrão de R$10,00
em roupas.

Mas pelo menos
vemos umas boas notícias do judiciário;
antes era raríssimo.

Ygor Coelho disse...

Vitor, bom texto, muito bom o tema, a idéia, as lembranças, principalmente as lembranças e a contextualização... Abração, continue escrevendo.